segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Inauguração | MALARKO | Galeria DAMA AFLITA | 20 SET |17H

Olá todos,
No próximo sábado dia 20 de Setembro, pelas 17H, vamos inaugurar a exposição, Pasty Smasher de Malarko (UK).
A exposição está integrada na programação do Push Porto - Festival de Ilustração e Arte Urbana, 2014.
Mais uma vez contamos com a vossa presença.

Hello,
Next saturday, September 20th, we´ll open the show Pasty Smasher by Malarko (UK).
The show is part of Push Porto - Illustration and Urban art festival 2014.
You are all invited!

Pasty Smasher
Malarko (UK)
20 de Setembro a 25 de Outubro de 2014

20 de Setembro | Inauguração 17h
Galeria Dama Aflita
Rua da Picaria, 84, Porto, Portugal

malarko_PT.jpg

--------------------------------------------------

Sobre a exposição

Pasty Smasher mostra o recente trabalho de Malarko, onde o artista explora o absurdo através de cerâmica, gravura e tecelagem.

Sobre o autor

Malarko
Nascido e criado no sul de Londres e sem experiência formal no campo das artes, Malarko desenvolveu uma estilo reconhecível que se estende pelo muralismo, design, ilustração, obra gráfica e cerâmica. Entusiasmado pelo absurdo e motivado pelo ridículo, o trabalho de Malarko é composto por uma, cada vez maior, coleção de animais: gatos, cobras, cães de narizes compridos e homens fortes sem pernas. Letras de Morrissey e Wu Tang pountuam estas paisagens absurdas e o resultado colorido e nonsense apresenta-se confuso e prazeroso.

--------------------------------------------------

About the show
Pasty Smasher showcases Malarko´s recent works, further exploring absurdities within ceramics, printmaking and weaving.

About the artist

Malarko
Born and raised in South London and with no formal background in the arts
Malarko has developed a recognisable style that spans muralism, design, illustration, print work, and also ceramics. Excited by the absurd and motivated by the preposterous Malarko´s work is comprised of an ever growing menagerie of cats, snakes, long nosed dogs and leg less strong men. Morrissey and wu tang lyrics punctuate this wacky landscape and the colourful nonsensical result manages to both confuse and delight.




    

Sem comentários: